Congresso de Jovens do Distrito Oeste Catarinense

No dia 11 de dezembro, aconteceu, em Cunha Porã, SC, o Congresso Distrital de Jovens do Oeste Catarinense (DIOC). O congresso marcou história, pois firmou-se a efetivação da unificação das duas subdivisões que havia no distrito de jovens.

Nos anos 70, por reunir cerca de 400 pessoas nos congressos da época, julgou-se por bem criar duas divisões. Na época, passou a ser viável para a melhor logística, administração e viabilidade a todas as paróquias distritais sediarem os congressos.

Novamente em assembleia no congresso, a proposta foi de reagrupar as duas divisões existentes em um só grupo. Denominado como o 1º Congresso Distrital, o encontro contou com devoção, gincana bíblica, louvor e um momento de confraternização entre os presentes.

A programação contou ainda com o culto sob o tema “Firmes em Cristo: perseverantes na fé em Cristo”. A liturgia foi conduzida pelo pastor Moacir Glufke e a pregação pelo pastor Elvio Bender. A eleição da nova diretoria foi oficiada pelo Conselheiro Distrital, Rev. Ismael Joel Rediske:

Presidente: Gabi Ecker

Vice-presidente: Gabi Tremarin

Tesoureiro: Airton Fenske

Vice-tesoureiro: André Werner

Secretário: Cezar Karsten

Vice-secretária: Marina Schneider

Diretor Esportivo: Dani Werner

Diretora Cultural: Marieli Müller

Suplentes: Marlon Putlitz e Suély Seling Mombach

Ajudante: Joici Lanz

Pastor conselheiro: Máicol Herdies Mombach

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Novos membros são recebidos em Nova Petrópolis, RS

Culto da Santíssima Trindade teve batismo e recepção de novos membros na Congregação São Marcos

Veja também

Novos membros são recebidos em Nova Petrópolis, RS

Culto da Santíssima Trindade teve batismo e recepção de novos membros na Congregação São Marcos

Enchente no RS provoca mudanças no Simpósio de Missão

Programação do Seminário Concórdia será reduzida e online. Inscrições podem ser feitas até o dia 21 de junho

Saúde mental em meio a desastres e catástrofes

A busca por autoconhecimento é sempre fundamental, ter ciência das suas habilidades, quando e onde tem condições físicas e emocionais para atuar é fundamental. Confira algumas dicas de como lidar com as emoções em cada fase