Da sombra de uma árvore ao templo construído com tijolos

A Igreja Cristã da Concórdia em Moçambique (ICCM), é uma prova viva que a pregação do Evangelho nunca volta sem realizar o que Deus quer. Uma igreja que começou embaixo de árvores no meio da savana em Moçambique, hoje está em três capitais de províncias, e outras esperam que ela chegue lá.

Segundo o Rev. André Plamer, mesmo com a pandemia, a igreja vem crescendo cada vez mais e conta com cerca de 8 mil membros. “Com muita perseverança e cooperação dos irmãos do Brasil e de outros países que têm ofertado para apoiar o trabalho, muitas áreas de atuação e vidas estão sendo transformadas”, relata o pastor André, acrescentando que “homens simples que antes não eram conhecidos, agora, são chamados a fazer orações e devoções, até mesmo o presidente da República, quando está nas regiões onde tem pastores luteranos. O Evangelho está sendo pregado a todos, desde os mais simples até as maiores autoridades do país”.

Mesmo com toda essa expansão, ainda muitos irmãos continuam cultuando embaixo de árvores, em igrejas improvisadas com uma cobertura de sombra, com o apoio de doadores, e sob orientação dos pastores André Plamer e Carlos Winterle, coordenadores do trabalho em Moçambique, em parceria com a Diretoria da ICCM, já conseguem, dentro das possibilidades, construir uma igreja de tijolos com cobertura de chapas de zinco (material utilizado em Moçambique).

Em 31 de julho de 2017, o Rev. André Plamer, dirigiu um culto em uma igreja que estava sendo construída em Caia, na sede do Distrito de Caia. Em 2019, os pastores André Plamer e Fernando Huf, da Hora Luterana, estiveram em Moçambique para dar continuidade à formação do Ensino Teológico por Extensão no país africano (veja aqui).

“Os irmãos do Brasil e da África, somando forças, estamos cumprindo “Ide” de Jesus relatado em Mt 20.19, e assim naturalmente acontece o que o salmista Davi escreve no Salmo 133.1: ‘Como é bom e agradável que o povo de Deus viva unido como se todos fossem irmãos'”.

Para saber mais sobre a missão em Moçambique e ajudar nossos irmãos africanos, clique aqui ou entre em contato com o coordenador do FAPI, Rev. Airton S. Schroeder, pelo e-mail [email protected].

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Pastor é instalado em Sinop, MT

Mauro Scheibler irá atuar na Paróquia Emanuel

Veja também

Pastor é instalado em Sinop, MT

Mauro Scheibler irá atuar na Paróquia Emanuel

Você já reclamou de um presente dado por Deus?

“Quem vem aí?”, me perguntou uma senhora na saída do culto. Ao responder que era mais um menino, ela disse: “Ah, não!! Tinha que ser uma menina!” Quase sem acreditar no que ouvi, questionei: “Por quê? Não mesmo! Quando Deus envia o presente, a gente aceita com gratidão”.

Dores que fazem crescer

“Feliz é aquele que nas aflições continua fiel! Porque, depois de sair aprovado dessas aflições, receberá como prêmio a vida que Deus promete aos que o amam” (Tg 1.12).