Outubro Rosa em Aracaju

O Departamento de Servas da Congregação Luz do Mundo, de Aracaju, SE, realizou diversas atividades durante o mês de outubro para conscientização sobre o câncer de mama, celebrando o Outubro Rosa. As atividades contaram com a participação e 30 servas.

A primeira palestra foi realizada no dia 5 de outubro, com a assistente social Gilzanira Bastos, com o tema “Deus cuida de mim”. A segunda palestra ocorreu no dia 19, com a psicóloga Marta Santana, que abordou o tema “Cuidando da saúde mental”. O tema do terceiro encontro foi “Cuidando do nosso corpo”, com a nutricionista Thaís Bispo, que abordou sobre os alimentos que podem prevenir o câncer e aqueles ricos em nutrientes para tratamento de outras doenças.

“Tivemos muitas programações durante todo o mês, nas quartas-feiras, quando o departamento se reúne. No último sábado do mês, dia 29 de outubro, será realizada a Tarde das Rosas, com serviços comunitários como corte de cabelo, aferição de pressão arterial e massagem”, conta Crislaine Ferreira Santos Mendes, presidente do departamento.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Você já reclamou de um presente dado por Deus?

“Quem vem aí?”, me perguntou uma senhora na saída do culto. Ao responder que era mais um menino, ela disse: “Ah, não!! Tinha que ser uma menina!” Quase sem acreditar no que ouvi, questionei: “Por quê? Não mesmo! Quando Deus envia o presente, a gente aceita com gratidão”.

Veja também

Você já reclamou de um presente dado por Deus?

“Quem vem aí?”, me perguntou uma senhora na saída do culto. Ao responder que era mais um menino, ela disse: “Ah, não!! Tinha que ser uma menina!” Quase sem acreditar no que ouvi, questionei: “Por quê? Não mesmo! Quando Deus envia o presente, a gente aceita com gratidão”.

Dores que fazem crescer

“Feliz é aquele que nas aflições continua fiel! Porque, depois de sair aprovado dessas aflições, receberá como prêmio a vida que Deus promete aos que o amam” (Tg 1.12).

O que alimenta nossa fé?

Esse foi o tema do Congresso de Servas e Leigos do DIVALI