Final de semana festivo pelos 120 anos do Seminário

Chá das ASAS, Festival de Coros e Culto de gratidão fizeram parte da programação

O final de semana que antecedeu o dia do aniversário do Seminário Concórdia, foi recheado de atividades alusivas aos seus 120 anos, completados no dia 27 de outubro.

No sábado, 21 de outubro, o tradicional Chá da ASAS (Associação das Servas Amigas do Seminário) reuniu cerca de 450 pessoas para celebrar o aniversário da escola de profetas e os 45 anos da ASAS. A presidente da ASAS, Alisia Viana, e o diretor do Seminário, dr. Gerson Linden, saudaram os presentes. O prof. Raul Blum conduziu o devocional, auxiliado por seminaristas, que também ajudaram na distribuição do chá e complementos às mesas. A Congregação Sião, de Santo Ângelo, RS, entregou uma homenagem ao Seminário e à ASAS pela data.

As comemorações seguiram nas dependências da instituição, em São Leopoldo, RS, com o Festival de Coros. Participaram os coros masculino e misto do Seminário, da Congregação São Paulo, de Novo Hamburgo, RS, da Paróquia São Paulo, de Cachoeirinha, RS, e da Congregação da Paz, de Campo Bom, RS. No final do evento, os coralistas apresentaram o hino do lema do quadriênio 2022-26, “Vivendo em Cristo”, em união coral.

Os vice-presidentes de Ensino, pastor Joel Müller, e de Ação Social, pastor Airton Schroeder, prestigiaram ambos os eventos.

BERÇO HISTÓRICO

No domingo, 22 de outubro, pela manhã, cerca de 250 pessoas prestigiaram o culto festivo no berço do Seminário, no Museu da Imigração Pomerana, no município de São Lourenço do Sul, RS. A cerimônia foi transmitida pelo Youtube e pode ser assistida em https://ielb.info/wzRy.

Como parte das celebrações pelos 120 anos do Seminário, alunos, funcionários, professores e seus familiares de deslocaram à localidade de Bom Jesus para o culto festivo junto à Congregação São João.

A liturgia foi conduzida pelos pastores Milton Vorpagel (pastor local), Joel Müller (vice-presidente de Ensino) e Gerson Linden (diretor do Seminário). O professor emérito dr. Paulo W. Buss dirigiu a mensagem do culto e o prof. dr. Raul Blum, juntamente com os alunos, conduziu a música. Participaram ainda os coros masculino e misto do Seminário Concórdia e o coro da Congregação que, além de cantarem durante o culto, se apresentaram na parte da tarde. Os visitantes também tiveram a oportunidade de visitar o museu do Seminário e da Imigração Pomerana.

“O local traz uma lembrança especial, pois ali o Seminário foi fundado em 27 de outubro de 1903”, resumiu o diretor do educandário, que participou do programa Revista CPT especial de aniversário do Seminário (assista aqui).

Veja aqui o álbum de fotos.

Fotos: Ramon Augusto Pedro/seminarista

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

A parábola do semeador

A cultura digital afasta-nos da terra. Por mais evoluídos que sejamos, não podemos perder contato com a terra, a terra somos nós mesmos, pó é nossa origem e nosso destino. O período de uma vida transcorre de pó a pó

Veja também

A parábola do semeador

A cultura digital afasta-nos da terra. Por mais evoluídos que sejamos, não podemos perder contato com a terra, a terra somos nós mesmos, pó é nossa origem e nosso destino. O período de uma vida transcorre de pó a pó

A subjetividade contemporânea do rolar a tela do celular

O Tik Tok passa a predominar e compor o mundo intrapsíquico do ser humano. E tal composição atinge milhões de pessoas, como uma espécie de hipnose pandêmica.

A dolorosa volta para casa

Após 20 ou mais dias, vítimas da enchente no RS começam a retornar aos seus lares para limpeza e reconstrução