Dar, orar e jejuar

Nesta época da Quaresma, muitas pessoas procuram praticar mais as chamadas “virtudes cristãs”, como a caridade e o jejum. Mas você sabe o que o Senhor Jesus tem a dizer sobre isso?

Em Mateus 6.1-6, 16-21 (texto para a Quarta-feira de Cinzas), Jesus nos dá orientações preciosas sobre o dar, o orar e o jejuar. Comento um pouco aqui, especialmente a questão do jejum.

? Dar: Seja para ajudar a um necessitado ou dar a Deus na igreja pela oferta, é importante fazer isso sem querer aparecer ou ser elogiado. Por outro lado, cada um deve examinar o seu dar e ver se esse ajudar e ofertar de fato honram a Deus; ou, se ele mostrasse publicamente o que damos, ficaríamos tranquilos ou envergonhados? Onde está nosso coração – agarrado aos bens materiais ou agarrado a Cristo?

? Orar: Como anda nossa vida de oração? Para Jesus, orar é algo essencial. Ele orava muito, sozinho e com os discípulos. Também a oração não é para se mostrar, mas deve ser uma conversa sincera, humilde, diária e íntima com nosso Pai, que nos ouve e nos incentiva a falar com ele nas horas boas e nas ruins. A oração tem lugar na sua vida diária? Você também agradece e louva a Deus ou apenas pede?

? Jejuar: O jejum mais comum é não comer em certos dias, ou deixar de comer certos alimentos por um tempo. Outra vez Jesus mostra que só Deus deve saber o que a pessoa está fazendo. Nós não somos obrigados pela Palavra de Deus a jejuar, mas o jejum nos faz refletir: como tenho usado os alimentos e outras bênçãos que Deus me dá – com cuidado e economia, ou com desperdício? Quanto eu reparto com quem passa necessidade? Quanto eu devolvo ao meu Deus através da oferta de tempo, trabalho e dinheiro em seu Reino e igreja?

Podemos “jejuar” também deixando de lado por um tempo algum costume ou hábito. Por exemplo: que tal, durante a Quaresma, não consumirmos bebida alcoólica e usar o dinheiro que seria gasto nisso para ajudar os necessitados, ou distribuir mensagens bíblicas para doentes, presos ou alcoólatras em recuperação? Ou, quem sabe, deixar de assistir algo na TV ou internet e usar esse tempo para ler mais a Bíblia ou um bom livro cristão?

Enfim, o jejum pode nos ajudar a ter boa disciplina no uso dos bens materiais, do nosso tempo e do corpo e a ver até que ponto, às vezes, somos escravos de certas coisas e de certos hábitos.

Que este tempo de Quaresma seja de muito crescimento para você, na fé em Cristo e na vida guiada pelo Espírito Santo, no amor do Pai!

Leia Mateus 6.1-6, 16-18
“— Evitem praticar as suas obras de justiça diante dos outros para serem vistos por eles;
porque, sendo assim, vocês já não terão nenhuma recompensa junto do Pai de vocês, que está nos céus.

— Quando, pois, você der esmola, não fique tocando trombeta nas sinagogas e nas ruas, como fazem os hipócritas, para serem elogiados pelos outros. Em verdade lhes digo que eles já receberam a sua recompensa. Mas, ao dar esmola, que a sua mão esquerda ignore o que a mão direita está fazendo, para que a sua esmola fique em secreto. E o seu Pai, que vê em secreto, lhe dará a recompensa.

— E, quando orarem, não sejam como os hipócritas, que gostam de orar em pé nas sinagogas e nos cantos das praças, para serem vistos pelos outros. Em verdade lhes digo que eles já receberam a sua recompensa. 6Mas, ao orar, entre no seu quarto e, fechada a porta, ore ao seu Pai, que está em secreto. E o seu Pai, que vê em secreto, lhe dará a recompensa. […]

— Quando vocês jejuarem, não fiquem com uma aparência triste, como os hipócritas;
porque desfiguram o rosto a fim de parecer aos outros que estão jejuando. Em verdade lhes digo que eles já receberam a sua recompensa. Mas você, quando jejuar, unja a cabeça e lave o rosto, a fim de não parecer aos outros que você está jejuando, e sim ao seu Pai,
em secreto. E o seu Pai, que vê em secreto, lhe dará a recompensa.”

Leandro D. Hübner
Pastor
Sorocaba, SP

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Novos membros são recebidos em Nova Petrópolis, RS

Culto da Santíssima Trindade teve batismo e recepção de novos membros na Congregação São Marcos

Veja também

Novos membros são recebidos em Nova Petrópolis, RS

Culto da Santíssima Trindade teve batismo e recepção de novos membros na Congregação São Marcos

Enchente no RS provoca mudanças no Simpósio de Missão

Programação do Seminário Concórdia será reduzida e online. Inscrições podem ser feitas até o dia 21 de junho

Saúde mental em meio a desastres e catástrofes

A busca por autoconhecimento é sempre fundamental, ter ciência das suas habilidades, quando e onde tem condições físicas e emocionais para atuar é fundamental. Confira algumas dicas de como lidar com as emoções em cada fase