Você atingiu a métrica limite de leitura de artigos

Já sou assinante!

Tempos, eventos e ações extraordinárias

Louvamos a Deus por nos ter chamado à família da fé e nos ter enviado ao mundo na missão de levar Cristo para todos, com a única palavra que permanece e transforma vidas para sempre. Senhor, concede-nos sabedoria para perceber, decidir e agir nesse tempo de eventos e ações extraordinárias para a tua glória e a salvação de muitas pessoas. Amém!

                  

       Esta edição do Mensageiro Luterano (ML) foi pensada, escrita, diagramada, produzida, como sempre, por muitas mãos, mentes e corações, mas em um contexto totalmente diferente de outras edições. A nossa geração jamais viu e viveu algo como essa tragédia climática que tão duramente atingiu grande parte do Rio Grande do Sul em final de abril e ao longo do mês de maio, fato já conhecido de todos.

       Acreditamos que a centenária revista oficial da Igreja Evangélica Luterana do Brasil (IELB), assim como na enchente de 1941 e em outras tragédias que marcaram as mais de dez décadas de circulação do nosso ML, não poderia deixar de registrar, para a memória e a história da nossa igreja e da sociedade, esse tempo de eventos e ações tão extraordinários.

       Creio que seria desnecessário dizer, mas vou reforçar aqui: os registros, os relatos em palavras e imagens, são apenas uma pequena amostra, um resumo de tudo o que aconteceu e já foi feito no RS (como local da tragédia climática) e em todo o Brasil (com ações solidárias em favor dos atingidos), nesse período das inundações. E, ao mesmo tempo, apontamos aqui para as inúmeras demandas e oportunidades de ajuda para a difícil e, talvez, longa reconstrução de vidas, casas, igrejas, escolas, empresas, empregos, nos campos e nas cidades.

         Igualmente tão importante quanto as ações solidárias exemplificadas aqui – de pessoas, famílias, igrejas, organizações eclesiásticas, civis e governamentais, pelas quais louvamos a Deus – é a correta compreensão bíblica-teológica das ações de ajuda em amor ao próximo, nas quais participamos, seja in loco ou a distância.

         Nesse sentido, recomendamos a leitura de todos os artigos e textos de reflexão relacionados à tragédia climática. Em especial, o texto: A CRIAÇÃO SOFRE – A teologia da cruz e a misericórdia de Deus. Nele somos lembrados da ação misericordiosa de Deus, em seu Filho Jesus Cristo, em favor de todas as pessoas. E mediante a ação do Espírito Santo, pela Palavra e sacramentos, ele nos chama à vida prática na fé, tanto para testemunho como para atos de misericórdia em favor do nosso próximo, em suas necessidades. Jesus nos orienta, dizendo: “Vocês são o sal da terra. Vocês são a luz do mundo”. E em Mateus 5.16 resume, dizendo: “Assim brilhe também a luz de vocês diante dos outros, para que vejam as boas obras que vocês fazem e glorifiquem o Pai de vocês, que está nos céus.”

         Não posso finalizar essa palavra ao leitor sem mencionar que a nossa centenária Editora Concórdia também sofreu e ainda sofre as “dores de parto” dessa inundação, assim como já havia acontecido em 1941, em outro endereço. Há 83 anos, a Editora, mesmo destruída e cheia de lama malcheirosa, foi acolhida, abraçada e reconstruída pela IELB. Os membros e líderes, daquele tempo, entenderam que a missão da editora era fundamental na produção e distribuição de conteúdo cristão confessional luterano, tanto para edificação do povo de Deus, como para testemunho do que cremos, ensinamos, confessamos e esperamos para esta vida e para a eternidade. E assim, sob a bênção de Deus, chegamos aos 101 anos de atividades.

         Louvamos a Deus por nos ter chamado à família da fé e nos ter enviado ao mundo na missão de levar Cristo para todos, com a única palavra que permanece e transforma vidas para sempre. Senhor, concede-nos sabedoria para perceber, decidir e agir nesse tempo de eventos e ações extraordinárias para a tua glória e a salvação de muitas pessoas. Amém!

Acesse aqui a versão impressa.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Emergindo das águas: Um novo começo

A nossa querida Editora Concórdia irá se reerguer e continuará a ser a editora da teologia bíblica e confessional que herdamos da Reforma. Publicando a Palavra que permanece.

Veja também

Emergindo das águas: Um novo começo

A nossa querida Editora Concórdia irá se reerguer e continuará a ser a editora da teologia bíblica e confessional que herdamos da Reforma. Publicando a Palavra que permanece.

Um fim em comum!

E para cumprir com seu propósito, a IELB: utilizará os meios de comunicação; produzirá e distribuirá livros e material religioso, fundando e mantendo organizações com essa finalidade. Esse é o porquê de a Igreja ter uma editora.

14º Encontro Nacional de Escolas Luteranas (14º ENEL)

Em 1524, Lutero elaborou um documento que lançaria as bases de conceitos como educação pública e gratuita, universalização do ensino, ludicidade no processo ensino-aprendizagem, educação interacionista, protagonismo do aluno, aprendizagem significativa e de uma educação com propósitos existenciais, fundamentada nos princípios cristãos.