2ª Tarde das crianças em Tunas

Com muita alegria e graças às doações de membros da comunidade, do comércio local e também da vizinhança, a Congregação São Pedro, de Tunas, RS, realizou a segunda Tarde das Crianças, no dia delas, 12 de outubro.

Foi um momento muito especial com a participação de 85 crianças, entre as da congregação e também as convidadas de escolas próximas. Elas tiveram a oportunidade de escutar a história bíblica “A visita de Maria à Isabel”, baseada em Lucas 1.39-56, contada pelo pastor Elias Ceceltski, cantar músicas da Escola Bíblica e participar de muitas brincadeiras, organizadas em forma de circuito.

Para completar o dia, cada criança ganhou de lanche cachorro-quente, bolo, refrigerante, picolé e algodão doce, e de recordação para levar para casa uma sacolinha com um livrinho de histórias bíblicas e muitos docinhos.

Esta com certeza será uma tarde para ser sempre lembrada, onde tiveram a oportunidade de escutar a Palavra de Deus, o louvor, e ainda ter a igreja como uma referência de um lugar legal, a casa de nosso bondoso Deus.
“Por causa de eventos como esse, desde que realizamos a primeira Tarde das Crianças, no ano passado, muitos têm se motivado a participar das Escolas Bíblicas semanais e temos conseguido reunir uma média de 20 a 25 crianças por semana. O objetivo é aumentar ainda mais esse número, a cada ano, não para que se tornem luteranas, mas sim, para ter a oportunidade de plantar a sementinha da fé no coração de cada uma delas”, celebra Graziela Ceceltski.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Pastor é instalado em Sinop, MT

Mauro Scheibler irá atuar na Paróquia Emanuel

Veja também

Pastor é instalado em Sinop, MT

Mauro Scheibler irá atuar na Paróquia Emanuel

Você já reclamou de um presente dado por Deus?

“Quem vem aí?”, me perguntou uma senhora na saída do culto. Ao responder que era mais um menino, ela disse: “Ah, não!! Tinha que ser uma menina!” Quase sem acreditar no que ouvi, questionei: “Por quê? Não mesmo! Quando Deus envia o presente, a gente aceita com gratidão”.

Dores que fazem crescer

“Feliz é aquele que nas aflições continua fiel! Porque, depois de sair aprovado dessas aflições, receberá como prêmio a vida que Deus promete aos que o amam” (Tg 1.12).