Você atingiu a métrica limite de leitura de artigos

Já sou assinante!

Vida longa à nossa escola de profetas

“Sempre é um desafio ter candidatos ao ministério em número suficiente diante das necessidades da Igreja em sua missão no Brasil e no mundo. E isso não é uma dificuldade específica da IELB, mas afeta as igrejas históricas em geral. Por isso, a primeira coisa a fazer é reconhecer que o ministério é necessário.”

No dia 27 de outubro, o Seminário Concórdia completa 120 anos de atividades. Para celebrar a data, a instituição realiza, no dia 21 de outubro, o tradicional Chá da ASAS (Associação das Senhoras Amigas do Seminário) e o Festival de Coros, em São Leopoldo, RS. E no dia seguinte, 22 de outubro, o culto festivo no Museu da Imigração Pomerana, em São Lourenço do Sul, RS.

A história do Seminário está diretamente ligada à história da IELB. Em 1903, antes da fundação oficial da IELB (24.06.1904), já funcionava o Seminário Concórdia, que foi planejado numa conferência pastoral realizada em abril de 1903, na localidade de Bom Jesus, município de São Lourenço do Sul, RS. As aulas tiveram início no dia 27 de outubro de 1903, lembrado hoje como “Dia do Seminário”. Tudo que havia era a igreja local, a casa pastoral e um rústico galpão. Os alunos eram, no princípio, três, depois, cinco. O diretor e único professor era John Hartmeister, pastor missionário do Sínodo de Missouri, EUA.

Depois de um ano e cinco meses de funcionamento, a escola fechou as portas, pois o pastor Hartmeister regressou aos Estados Unidos. Em 1905, por ocasião da segunda Convenção da Igreja, em Jaguari, RS, decidiu-se reabrir a escola, em Porto Alegre, RS. Em 1908, a escola recebeu o nome de Seminário Concórdia. Em 1912, foi transferido para um prédio novo, de propriedade da Igreja, construído em terreno onde hoje se encontra o Colégio Concórdia, de Porto Alegre. Os primeiros pastores se formaram em 1915. Em 1921, o Seminário Concórdia mudou-se para o bairro Mont’ Serrat, onde ficou até ser transferido, em 1984, para São Leopoldo.

Hoje o Seminário conta com 77 alunos. Destes, um está em intercâmbio nos Estados Unidos, 13 estão no estágio e 13 são formandos.

Além do curso para formação de pastores, a instituição oferece os seguintes cursos: Diaconia em Educação Cristã (o aluno recebe o material didático e estuda em casa sob a orientação de seu pastor), Diaconia em Música (curso presencial, no mês de janeiro, no Seminário), Especialização em Teologia (presencial, em convênio com a ULBRA), Aperfeiçoamento em Teologia (para pastores, em diversas regiões do Brasil) e Mestrado em Teologia (curso livre, presencial).

A educação teológica promovida pelo Seminário Concórdia está comprometida com a comunicação pura da verdade para o tempo que se chama hoje! Isso exige prestar atenção a uma sociedade que faz novas e desafiadoras perguntas à igreja cristã; ou, para acentuar o problema, nem mesmo quer fazer perguntas ao povo de Cristo! Por isso, o curso de Teologia, ao mesmo tempo em que zela por manter uma estrutura de solidez acadêmica, busca contemplar as necessidades da igreja e do mundo no século 21.

CONHEÇA O QUADRO ATUAL DE PROFESSORES

Dr. Anselmo Ernesto Graff

Dr.  Cesar Motta Rios *

Dr. Clóvis Jair Prunzel

Me. Clóvis Vitor Gedrat *

Me. Francis Dietrich Hoffmann

Dr. Gerson Luis Linden

Espec. Leonidio Schulz Görl

Dr. Raul Blum

Me. Sílvio Ferreira da Silva Filho *

Dr. Vilson Scholz está em St. Louis (EUA) até 2024.

* professores convidados

Veja aqui a biografia de cada um.

ENTREVISTA COM DIRETOR GERSON L. LINDEN, PHD

1. O que representa o Seminário para o senhor? Conte um pouco da sua história com a instituição.

Foi no Seminário Concórdia que recebi minha formação para o ministério pastoral, através do ensino fiel e dedicado dos professores. Lembro com gratidão de cada um deles e da contribuição que tiveram em minha formação. Além disso, o tempo de estudos no Seminário também oportuniza o convívio com os colegas e o início de grandes amizades.

Hoje tenho a oportunidade de servir no preparo dos futuros pastores da IELB, uma grande responsabilidade, que é compartilhada com colegas professores, que se esmeram com competência e fidelidade no exercício deste ministério.

2. O sr. ocupa a direção pela segunda vez. Como o sr. avalia esses dois períodos? Quais os aprendizados e transformações que o sr. destaca?

Sim, tive a oportunidade de servir como diretor no período de 2005 a 2012, e agora, desde 2021. O trabalho na direção do Seminário é de grande responsabilidade diante da igreja, dos estudantes e, especialmente, diante de Deus. Uma das grandes alegrias que tenho neste trabalho é o companheirismo e o apoio dos meus colegas professores. O trabalho é feito em equipe, e só desta forma pode-se ter um resultado positivo. Além disso, tenho sido abençoado com o apoio das lideranças da IELB em todos os níveis. O mais importante nesta função é saber que não servimos a nós mesmos, mas ao Senhor Jesus e sua igreja. E que ninguém pode atuar sozinho, nem tem todas as respostas no serviço do reino de Deus, mas, com humildade, é preciso constantemente estar disposto a ouvir, aprender e agir na busca da melhor formação possível dos futuros ministros do evangelho.

3. Ao longo da história, o Seminário enfrentou muitos desafios, e hoje vive um novo momento, com o reconhecimento da Faculdade de Teologia pelo MEC. Como está o processo e quais as expectativas?

Enquanto escrevo estas palavras, estamos como Seminário e Igreja na expectativa pela aprovação do credenciamento da Faculdade Luterana Concórdia e da autorização do curso de Teologia. Estamos convictos de que com a aprovação deste projeto da Igreja e do Seminário, haverá a abertura de grandes oportunidades para a expansão do ensino teológico na formação pastoral e em outras importantes áreas de atuação na igreja e na sociedade.

4. Outra novidade recente é a nova ETE, que tem foco no público leigo interessado em aprofundar conhecimento bíblico. Por que esta preocupação?

A nova ETE traz consigo algumas mudanças significativas. Hoje são seis terminalidades, que dão oportunidade a que os alunos busquem uma sólida formação cristã nas áreas de estudo bíblico, ensino, evangelização, ação social, liderança cristã e ética e cidadania. É fundamental que os membros da igreja se capacitem para melhor servir a Deus na família, na igreja e na sociedade. Temos a convicção de que esta formação de lideranças cristãs nas diversas terminalidades da ETE trará muitas bênçãos para a igreja como um todo.

5. Ao longo da história também oscilou o número de alunos/formandos. Ano passado, o maior número de formandos dos últimos tempos. Prospectar pastores ainda é desafiador? Quais as estratégias que o Seminário e a Igreja têm utilizado para captar alunos?

Sempre é um desafio ter candidatos ao ministério em número suficiente diante das necessidades da Igreja em sua missão no Brasil e no mundo. E isso não é uma dificuldade específica da IELB, mas afeta as igrejas históricas em geral. Por isso, a primeira coisa a fazer é reconhecer que o ministério é necessário, pois é instituição do próprio Senhor Jesus, e, reconhecendo isso, fazer o que Jesus nos ordenou: rogar por mais trabalhadores na seara.

O Seminário, juntamente com o Departamento de Ensino do Conselho Diretor e com o vice-presidente de Ensino da IELB, tem procurado desafiar pastores e congregações a buscar em seu meio bons nomes de jovens e senhores que sejam potenciais candidatos a alunos. Isso tem dado um bom resultado, haja vista o bom número de candidatos que se preparam para ingressar em 2024 no Seminário.

6.  A IELB, em geral, se preocupa com a formação continuada. Como o Seminário se preocupa com o aperfeiçoamento de pastores e professores?

O Seminário oferece um programa de mestrado livre em ministério pastoral, no qual estão inscritos mais de 40 pastores, alguns de outras igrejas luteranas da América Latina e de outras denominações cristãs. Além disso, professores e pastores convidados ministram a cada ano cursos de aperfeiçoamento em distritos da IELB. É muito importante que as congregações incentivem seus pastores na busca de educação continuada, pois isso traz resultados positivos na pregação e no ensino.

7. O Seminário também desenvolve projetos no exterior, como a ETE, em Moçambique e Angola. Quantos frutos já foram colhidos deste projeto e como está atualmente?

Já há vários anos o Seminário tem contribuído na formação de pastores nos dois países, nos últimos anos, especialmente, em Moçambique. Naquele país, diversos pastores foram já preparados e ordenados ao santo ministério e há um bom número preparando-se para servir a Deus na proclamação do evangelho e na administração dos sacramentos.

8. Para finalizar, o que o sr. deseja para o Seminário para os próximos 120 anos?

Que seja fiel na missão de preparar pastores e líderes para a missão de Deus, pastores solidamente fundamentados nas Escrituras, com convicção nas Confissões Luteranas e atentos à realidade contemporânea.

 

PARABÉNS, SEMINÁRIO CONCÓRDIA!

“Em 1Timóteo 2.4, Deus expressa o seu desejo em relação a todo ser humano: ‘Ele quer que todos sejam salvos e venham a conhecer a verdade’. Nos dois versículos seguintes, ele revela a única maneira pela qual isso pode acontecer, a saber, através de Cristo e de sua obra redentora. No versículo 7, o apóstolo Paulo diz que ele foi escolhido ‘para anunciar a mensagem da fé e da verdade’, isto é, a boa nova da salvação pela fé em Cristo. E no início do capítulo 3, ele diz: ‘… se alguém quer muito ser bispo na igreja, está desejando um trabalho excelente’. Ou seja, ele vincula o ministério pastoral diretamente ao propósito de Deus de salvar todas as pessoas pela fé em Cristo Jesus. Isso nos mostra claramente a importância do nosso Seminário, ele é um instrumento de Deus para salvar pessoas. Deus abençoe o nosso Seminário!”

Presidente da IELB, pastor Geraldo W. Schüler

“O Seminário Concórdia é um dos grandes tesouros que temos, pois ele entrega para a IELB todos os anos um bom número de novos pastores, que saem mundo afora ávidos a pregar o puro evangelho que conforta, consola e anima a todos nós cada dia. A importância que damos ao ensino é tão grande que antes mesmo de fundarmos a IELB, fundamos a escola de profetas, o nosso querido Seminário Concórdia.

Que o bondoso Deus continue derramando infinitas bênçãos aos alunos, colaboradores, professores e direção do Seminário. Que esses homens, chamados por Deus, continuem, com dedicação, a aprender e ensinar nossa doutrina e teologia, e assim, teremos cada vez mais profetas de Deus levando a Palavra que conforta e consola, não somente em nosso país, mas no mundo afora.”

Presidente do Conselho Diretor da IELB, Juliano Belz

“É tempo de agradecer a Deus pelos extraordinários professores que durantes estes 120 anos formaram os pastores da nossa igreja. É tempo de agradecer por sua dedicação, profissionalismo, seriedade, rigor e exigência que permitem que os formados por esta Escola estejam preparados para pregar o evangelho em qualquer lugar do mundo. É tempo de agradecer a todos que fizeram e fazem história: alunos, familiares, funcionários, equipes auxiliares e congregações. Mas é principalmente tempo de louvar a Deus por esta bênção que é o Seminário Concórdia. Meu marido e eu tivemos o privilégio de conviver neste Seminário por quase 60 anos e nunca deixamos de nos emocionar com a maravilhosa graça de Deus sobre esta Escola de Profetas! Parabéns, feliz aniversário!”

Dra. Beatriz C. Warth Raymann

“Para muitos, o Seminário é um lugar de passagem, para onde viemos com o objetivo de sair com uma formação. Para mim, o Seminário Concórdia é uma casa, onde a formação jamais acaba. Aqui eu nasci como um teólogo e ganhei as minhas bases para ser um pastor. Aqui eu cresci como pessoa ao ser corrigido e confrontado com situações que jamais imaginara. É bom saber que, não importa o quão longe possamos ir, sempre temos a nossa casa para onde podemos retornar. Há quase 20 anos, o Seminário é para mim esta casa. Há 120 anos o Seminário é para tantos outros esta casa! Deus seja louvado por este lugar!”

Prof. Francis Hoffmann

“Completaremos, em outubro, 45 anos auxiliando o Seminário Concórdia. Durante este tempo, ajudamos estudantes solteiros e casados e suas famílias com a Feira do Amor, oferecendo roupas a baixo custo, realizamos eventos para as crianças, casais, solteiros, o Dia da Família (20/09) e o Chá do Seminário e ASAS, nosso principal evento. É uma honra estarmos ali, acolhendo seminaristas e suas famílias, oferecendo um pouco de carinho e ajudando o Seminário da forma que pudermos, com nosso tempo e dons. Deus abençoe ao nosso Seminário!”

Alisia Kafer Jann Viana, presidente da Associação de Servas Amigas do Seminário (ASAS)

“O Seminário Concórdia tem sido uma grande bênção na vida da Igreja. De modo especial com seus programas de ensino, isto é, formação de pastores e diáconos. Cabe lembrar que a qualidade de ensino do nosso Seminário tem contribuído grandemente para o crescimento da Igreja também em Moçambique, pelo Programa de Educação Teológica por Extensão. Hoje, são 22 pastores ordenados em Moçambique, com material teológico oferecido pelo nosso Seminário. Sou grato a Deus por fazer parte desta história, primeiramente sendo aluno do nosso Seminário e depois na qualidade de pastor da IELB, também servindo a Deus e ensinando em Moçambique para ajudar a formar pastores lá. São 120 anos de bênçãos de Deus.”

Pastor André Plamer, missionário da Missão da IELB na África

2Pedro 3.18 diz “continuem a crescer na graça e no conhecimento do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo”. A ETE tem me proporcionado um aprofundamento no conhecimento das verdades Bíblicas. Além de fortalecer a minha fé, me trouxe conhecimento para poder falar e testemunhar sem medo de um Deus que tanto nos ama.

Marta Deckert, aluna da ETE, Congregação São Paulo, Curitiba, PR

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Novos membros são recebidos em Nova Petrópolis, RS

Culto da Santíssima Trindade teve batismo e recepção de novos membros na Congregação São Marcos

Veja também

Novos membros são recebidos em Nova Petrópolis, RS

Culto da Santíssima Trindade teve batismo e recepção de novos membros na Congregação São Marcos

Enchente no RS provoca mudanças no Simpósio de Missão

Programação do Seminário Concórdia será reduzida e online. Inscrições podem ser feitas até o dia 21 de junho

Saúde mental em meio a desastres e catástrofes

A busca por autoconhecimento é sempre fundamental, ter ciência das suas habilidades, quando e onde tem condições físicas e emocionais para atuar é fundamental. Confira algumas dicas de como lidar com as emoções em cada fase