54º Congresso das Servas do Oeste Catarinense

No dia 23 de abril, realizou-se o 54º Congresso das Servas do Oeste Catarinense, nas dependências da Congregação São João, Linha Humaitá, Cunha Porã, SC. A programação reuniu cerca de 300 pessoas entre servas, leigos, crianças, jovens e pastores, incluindo alguns visitantes.

Jairo Christ, leigo luterano de Campinas, SP, palestrou sobre o tema: “A KOINONIA É IMPORTANTE? Quer dizer, comunhão ainda é importante e se faz necessário?”.

Após o almoço, os departamentos do distrito transmitiram suas mensagens por meio de apresentações artísticas. A representante regional da LSLB, Gudrun Amsberg de Almeida, esteve presente apresentando projetos, destaques da Liga e uma prévia do que vem pela frente diante do Congresso Nacional das Servas.

Depois dos assuntos gerais, o culto foi ministrado pelos pastores Eri Borstmann (liturgista) e Moacir Glufke (pregador). Durante a cerimônia, houve a instalação da nova diretoria distrital das servas, oficiada pelo conselheiro distrital, pastor Ismael Rediske.

Pastor Eri, que também é o conselheiro distrital da LSLB, comemorou o sucesso do evento: “Foi muito proveitoso. Palestra, organização, participação, excelentes. Alcançou seu objetivo. Pelo que pudemos perceber, os que participaram saíram felizes, e isso é importante”.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Novos membros são recebidos em Nova Petrópolis, RS

Culto da Santíssima Trindade teve batismo e recepção de novos membros na Congregação São Marcos

Veja também

Novos membros são recebidos em Nova Petrópolis, RS

Culto da Santíssima Trindade teve batismo e recepção de novos membros na Congregação São Marcos

Enchente no RS provoca mudanças no Simpósio de Missão

Programação do Seminário Concórdia será reduzida e online. Inscrições podem ser feitas até o dia 21 de junho

Saúde mental em meio a desastres e catástrofes

A busca por autoconhecimento é sempre fundamental, ter ciência das suas habilidades, quando e onde tem condições físicas e emocionais para atuar é fundamental. Confira algumas dicas de como lidar com as emoções em cada fase