Tecnologia, facilidades e testemunho

No dia 9 de janeiro de 2007 era lançado o iphone 2G, o primeiro modelo de celular mobile desenvolvido pela Apple com seu sistema operacional iOS. No ano seguinte a Google lançava o seu sistema operacional Android para smartphones. Há quem goste de um e não goste do outro, mas o que chama a nossa atenção é que faz pouco mais de 10 anos que ambos foram lançados e hoje ambos os sistemas auxiliam na comunicação das pessoas.

Os smartphones vieram para ficar, disse alguém. Mas somente até que outros os substituam, disse outro alguém. O que não podemos negar é que a interatividade destes pequenos aparelhos conquistou as pessoas de modo que dificilmente encontramos alguém que não tenha um desses aparelhos em mãos.

Já estamos em 2021 e o que mudou de lá pra cá não é pouca coisa. Hoje estes aparelhos são utilizados nas negociações de empresas, aulas por ead, estudos bíblicos online e tantas outras facilidades. Além destas facilidades, também é possível instalar aplicativos que auxiliam em nossa vida de culto. A Sociedade Bíblica do Brasil disponibiliza o app Bíblia Plus, por exemplo. A Editora Concórdia no ano de 2017 lançou o aplicativo do hinário luterano. A hora luterana em 2019 lançou o aplicativo mensagens de esperança. A rádio CPT (Cristo Para Todos) trouxe sua nova versão de aplicativo em 2020. Trazemos estas informações para dizer que muitas facilidades tem surgido também para a vida do cristão. E o cristão pode usar melhor essas facilidades tecnológicas.

Longe de querer optar pelo sistema iOS ou pelo sistema Android, queremos optar pela Palavra de Deus e tudo o que ela envolve. Ainda somos um pouco tímidos em abrir o celular dentro do templo. O que vão pensar de nós, não é mesmo? Mas eles facilitam a nossa vida e podemos ir pro culto com o Hinário e a Bíblia na mão sem carregar muito peso. Por isso, neste ano queremos trazer pelo menos 4 dicas que julgamos importantes para o uso do celular dentro do templo:

1. Quando entrar no templo deixe seu aparelho no modo avião. Assim você poderá evitar constrangimentos de ter que atender o seu celular dentro do templo.

2. Evite olhar o e-mail ou mensagens de aplicativos durante o culto. O culto de Deus é trazido para você e seu benefício. Aproveite este momento! Interaja no culto e não no seu celular.

3. Antes do culto iniciar já deixe aberto o aplicativo Bíblia Plus ou outro de sua preferência para as leituras e faça o mesmo com o aplicativo do hinário luterano para os hinos.

4. Deixamos ainda uma sugestão para que antes de sair do templo, você possa marcar que esteve presente no culto, talvez tirar uma foto na frente da igreja e contar para seus amigos e familiares nas suas redes sociais. Não tenha medo do que vão dizer. Se arrisque no testemunho! Essa também é uma forma de testemunharmos o amor de Jesus com as pessoas. Curta e compartilhe as atividades da sua igreja e convide outros para que participem com você desta vida que não termina.

Em Jesus temos liberdade para abrir a Bíblia impressa ou digital. Para testemunharmos com palavras, ações, imagens e todas as formas que pudermos e que estiverem ao nosso alcance.

Sigamos o exemplo de Paulo que disse: “…o nosso Deus nos deu coragem para anunciar a vocês a boa notícia que vem dele.” (1Ts 2.2). E com as facilidades e tecnologias que estão em nossas mãos para levar Cristo para Todos.

Franco Thomassen

Pastor em Erechim, RS

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Matérias Relacionadas

Deus nos livre de nós mesmos

Um coração adoentado desta forma jamais conseguiria restaurar, por si só, a salvação jogada fora lá no Éden. Por isso, o perdão e a restauração deste coração corrompido estão unicamente em Jesus

Veja também

Deus nos livre de nós mesmos

Um coração adoentado desta forma jamais conseguiria restaurar, por si só, a salvação jogada fora lá no Éden. Por isso, o perdão e a restauração deste coração corrompido estão unicamente em Jesus

Missão Feliz, RS, completa 8 anos

A missão iniciou em 2016, com seis pessoas e hoje, já são 29 pessoas ativas e alguns visitantes

Setenta anos, a Igreja em missão em Baixo Guandu, ES

Congregação Da Paz celebrou culto festivo no dia 14 de abril